China aumenta estoques no mercado internacional

Os estoques de soja da China aumentaram pela quinta semana consecutiva para 6,23 milhões de toneladas, contra 5.000 mil toneladas da semana anterior, de acordo com informações que foram divulgadas pela TF Agroeconômica. À medida que grandes volumes de grãos brasileiros desembarcados e as taxas de esmagamento doméstico desaceleraram, dados do Centro Nacional de Informações de Grãos e Petróleo (CNGOIC) mostrou quinta-feira.

“Os volumes de moagem no mercado chinês caíram durante a semana para 1,95 milhão de toneladas, enquanto os estoques de farelo e óleo de soja aumentaram para 960.000 toneladas e 790.000 toneladas, respectivamente. Com o aumento das taxas de juros internas anunciadas quarta-feira, o real brasileiro não sentiu o fortalecimento do dólar norte-americano e até se apreciou ligeiramente em relação à moeda norte-americana durante o dia”, comenta.

Na Argentina, os prêmios de base FOB aumentaram 7 c/bu no dia com as cargas de agosto avaliadas em menos 52 c/bu  sobre o contrato subjacente, enquanto  os prêmios de base dos EUA permaneceram estáveis com os contratos de barcaça CIF USG para entrega em agosto a 78 c/bu em agosto futuros. “Na  frente  CFR,  a  margem  de  esmagamento  se deteriorou  em  meio  aos  futuros  na  Bolsa  de Commodities  de  Dalian,  que  caiu  ainda  mais,  na esteira dos preços CBOT que aumentaram as perdas e silenciaram  a  maioria  das  atividades  comerciais  dos esmagadores da China”, completa.

“Os  custos  de  frete  continuaram  sendo  seus  pontos fortes, apoiando o aumento dos prêmios na base CFR China.  O  indicador  CIF  China  para  embarque  em  agosto  da opção  mais  barata  foi  avaliado  em  174c/bu  sobre  o futuro  de  agosto,  equivalente  a  US$  573,50/t,  queda de US$ 1,5/t em relação ao dia anterior”, conclui.

Da redação com o Agrolink

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *