Queda nos valores do suíno vivo

A dificuldade de escoar a produção de carne no mercado interno e a retração pontual das vendas externas estão resultando em fortes quedas nos preços internos do suíno vivo, da proteína e dos cortes. Segundo pesquisadores do Cepea, agentes do setor têm reajustado negativamente os preços dos cortes e das carcaças, no intuito de elevar a liquidez.

Conforme o boletim informativo do Cepea, no caso do suíno vivo, a demanda por novos lotes de animais para abate está bastante limitada, pressionando os valores. Na região SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba), o suíno se desvalorizou 36,6% no acumulado de maio, cotado a R$ 5,37/kg no dia 25.

Da redação com Agrolink

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *