Preços agropecuários sobem 1,09% em Abril/2021

O Índice de Preços Recebidos pela Agropecuária Paulista (IqPR) fechou abril de 2021 com alta de 1,09%. Tanto os produtos vegetais (IqPR-V) quanto os animais (IqPR-A) apresentaram reajustes em seus índices, com ascensões respectivas de 0,68% e 2,15%. No mês de abril de 2021, 11 dos 16 produtos analisados tiveram elevações de preços. Destacaram-se os reajustes do milho (+9,07%) e da carne suína (+7,24%). Já as maiores quedas foram apresentadas pelas culturas da banana nanica (-43,00%) e do tomate para mesa (-12,37%).

No acumulado de abril/2020 a abril/2021, todos os índices apresentaram reajustes positivos. Nesse intervalo, o IqPR variou positivamente em 11 meses, num acúmulo de reajuste de 35,47%. Desde o mês de junho/20, momento ápice do acometimento da população brasileira com o vírus da COVID-19, as altas dos índices foram acentuadas progressivamente até o mês de novembro/20.

Ressalta-se que no acumulado dos quatro primeiros meses de 2021 o reajuste do IqPR atinge 7,26%.  Nesse intervalo de 12 meses, a alta dos produtos de origem animal (IqPR-A) chegou a 55,98%, enquanto os produtos de origem vegetal subiram 28,21%. Nesse período de análise, 15 produtos do levantamento tiveram reajustes. Milho (84,56%), carne de frango (83,67%) e soja (80,46%) foram as culturas que apresentaram as maiores altas no campo paulista nos últimos 12 meses.

Da redação com o Agrolink e  Governo do Estado de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *