Emater/RS-Ascar realiza capacitação voltada para o Desenvolvimento Social

A Emater/RS-Ascar deu segmento a capacitação voltada para Mulheres Rurais no Contexto do Desenvolvimento Rural Sustentável, visando o desenvolvimento social e econômico, com atividades online, na quinta-feira (01/04). Nesta etapa, modulo II, o enfoque foi voltado à temática Gestão de Negócios e Marketing Digital envolvendo questões direcionadas ao empreendedorismo, planejamento, acesso a mercados e inclusão digital.

A capacitação, direcionada a extensionistas rurais e sociais da Instituição, foi aberta e conduzida pela extensionista rural social Luciana Gobbo. Na sequência, os extensionistas Jhonatan Munaretto Imlau e Cleunir Paris, da Unidade de Cooperativismo de Erechim, e a extensionista Angélica Albrecht Gazzoni, do Escritório Municipal de Cruzaltense, expuseram os assuntos voltadas à temática de Gestão de Negócios e Marketing Digital.

O extensionista Imlau falou do crescimento do comércio digital, principalmente neste período da pandemia, e enfatizou a importância do marketing digital como aliado nos negócios. Outro tópico com destaque foi a importância do trabalho das mulheres nesta área que cada vez mais tem contribuído para a gestão e para o empreendedorismo. O extensionista também contextualizou a situação de negócios e apresentou algumas ferramentas direcionadas para esta área.

O empreendedorismo também foi abordado pela extensionista Angélica, que falou em como enfrentar medos na hora de empreender, superar barreiras, liderança, iniciativa e qualificação técnica. ?Podemos desenvolver habilidades na efetivação dos negócios como empreendedora?. Ela ressaltou que com a pandemia muitas pessoas mudaram a forma de consumir, de adquirir alimentos, oportunizando aos produtores se reinventar em seus negócios. Os participantes também foram orientados em como utilizar da melhor forma as plataformas digitais de venda e de pagamento, e quais as tendências que vieram para ficar. ?Os produtores precisam criar esta conexão com seus clientes utilizando essas ferramentas, entre outras formas diferentes de buscar mercados para comercializar seus produtos?, enfatizou.

A extensionista recomendou aos produtores diferentes formas de investir em seus negócios, como com produtos criativos no artesanato, e com o turismo rural. Neste contexto, para atuar no cenário atual e já analisando as perspectivas para o período pós-pandemia de empreendedorismo rural, destacou a importância do planejamento, de tomada de decisões, de buscar conhecer e entender os clientes, saber usar redes sociais, fazer marketing digital para divulgar seus produtos, ações direcionado para mulheres rurais, vender produtos de qualidade e saudáveis, entre outras. Entre as ferramentas digitais enfocou o Facebook, Instagram e o Tik Tok, entre outras plataformas, que podem alavancar os negócios e permitir que as pessoas se reinventem e aproveitem as oportunidades.

Algumas das ferramentas de marketing para vendas e divulgação dos empreendimentos rurais como catalogo digital, interativo e on-line, cartões, foram detalhadas pelo extensionista Cleunir Paris, assim como as mídias digitais como Facebook, Instagram, Google Meu Negócio, WhatsApp Business. Paris, além de explicar o acesso destas ferramentas e plataformas digitais, fez algumas práticas interativas com os participantes.

A capacitação contou ainda com o relato de experiência da produtora da cooperativa Cooperametista, Leila Estela Maidana, do município de Ametista do Sul.

A Emater/RS-Ascar, vinculada à Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), atua com um conjunto de políticas públicas voltadas ao desenvolvimento rural sustentável com ações de Assistência Técnica e Extensão Rural (Aters), oportunizando geração e renda as famílias da agricultura familiar.

Da redação com AGROLINK

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *