China anuncia tarifas de até 32,4% ao frango brasileiro por 5 anos

A China confirmou nesta sexta-feira, 15, a imposição de medidas antidumping sobre a importação de frango brasileiro. De acordo com anúncio do Ministério do Comércio local, os importadores do frango brasileiro deverão pagar tarifas de 17,8% a 32,4% a partir do próximo domingo, 17. A medida terá validade de cinco anos.

O governo chinês também informou que JBS, BRF e outras 12 empresas brasileiras que conseguiram um acordo com as autoridades locais após apresentarem um “compromisso de preço” não sofrerão a imposição das tarifas.

Além das gigantes nacionais do setor, ficarão de fora das novas taxas os produtos das seguintes companhias: Copacol, Consolata, Aurora Alimentos, Bello Alimentos, Lar, Coopavel, São Salvador Alimentos, Rivelli Alimentos, Gonçalves e Tortola, Copagril, e Vibra e Kaefer.

O governo da China informou que a decisão pela aplicação das medidas antidumping foi tomada depois que uma investigação adicional comprovou que o produto brasileiro provocou prejuízos substanciais na indústria doméstica.

O Brasil é a origem de mais de 50% das importações de carne de frango da China. Em 2016, as vendas para o país asiático totalizaram US$ 1,05 bilhão.

Fonte: Estadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *