Brasil deve elevar exportação de carne bovina em 2018 com novos mercados

As exportações de carne bovina do Brasil, considerando-se in natura e processados, devem crescer cerca de 10 por cento em 2018, tanto em volume quanto em receita, projetou nesta quinta-feira a associação dos exportadores do país, que aposta na abertura de novos mercados para a proteína nacional mesmo após diversas adversidades neste ano.

De acordo com a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), o maior exportador mundial de carne bovina deve embarcar no próximo ano 1,68 milhão de toneladas do produto, alta de 9,8 por cento na comparação com o esperado para 2017. A receita com as vendas deve avançar 10,5 por cento, para 6,9 bilhões de dólares.

Tal cenário leva em conta a retomada das exportações de carne bovina in natura para os Estados Unidos, a liberação de Cingapura para embarques de carne com osso e miúdos, a ampliação da cota permitida pela União Europeia para vendas do Mercosul e o incremento de plantas habilitadas a vender à China.

Com informações do Extra Globo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *