Congresso sobre bem-estar animal começa em Goiânia

Com apoio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), será realizado a partir desta terça-feira (17) o XVIII Congresso da Associação Brasileira de Veterinários Especialistas (Abraves), em Goiânia. O tema central do evento será o bem-estar animal (BEA).

O seminário vai abordar temas como gestação coletiva de matrizes suínas e o sistema coletivo versus o individual, boas práticas de manejo, conforto e desempenho, ambiência e climatização, gestão da qualidade dos insumos relacionada à lucratividade, novas tecnologias, fertirrigação de dejeto suíno, entre outros.

Segundo Charli Ludtke, coordenadora geral de agregação de valor da Secretaria de Mobilidade e Cooperativismo do Mapa, que será moderadora do seminário Bem-Estar na Produção de Suínos, na quarta-feira (18). “O bem-estar animal na produção, transporte e abate, além da sustentabilidade da propriedade e o uso racional de medicamentos são tendências irreversíveis e representam os novos desafios da produção animal”.

“Todos ganham com essa prática, desde os produtores até os consumidores. A evolução do bem-estar tem sido grande e 50% das agroindústrias de suínos do país, responsáveis por mais de 50% das fêmeas alojadas, estão adotando sistemas de BEA”, afirmou a coordenadora. Em dez ou 12 anos todas agroindústrias irão eliminar os sistemas convencionais de criação (gaiolas onde os animais ficam confinados), prevê. Nos Estados Unidos entre 33% a 35% das matrizes já são criadas dentro do sistema de BEA”, de acordo com Charli Ludtke.

Com informações do MAPA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *