Exames confirmam que botulismo é causa da morte de mil animais

Em Mato Grosso do Sul, exames confirmam o botulismo como a causa da morte de mais de mil bois. O caso aconteceu em um confinamento e as imagens chocaram pelo grande número de animais mortos.

A fazenda Mônica Cristina tentou manter o ritmo normal de trabalho, mas entre uma vistoria e outra, funcionários ainda encontravam animais caídos nos piquetes. Um novilho não conseguiu se levantar e minutos depois já estava deitado, agonizando. Nos últimos dias, as mortes foram pontuais, bem diferente do que aconteceu na semana passada.

O confinamento tinha 1,7 mil animais, com idades entre dois e três anos. Eles estavam na fase final de engorda e seriam encaminhados para o abate em, no máximo, dois meses. Tudo aconteceu muito rápido. Em apenas quatro dias, 1,1 mil animais morreram.

Com informações do Globo Rural.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *